Pegando trem na Itália

Esta foi a primeira vez que andei em um trem condizente com a vida pós-moderna. Pegamos as Flechas da Trenitalia de Roma para Florença (275km) e de Florença para Veneza (276km) e saí convencido do que já ouvi falar várias vezes: transporte ferroviário é para ser sinônimo de eficiência, conforto e praticidade! E o melhor: como comprei tudo antes pela internet, peguei tarifas ótimas! Por um trecho de quase 300km, paguei o valor equivalente no Brasil à mesma quilometragem para viajar em um ônibus por rodovias precárias!

Para comprar os tickets pela internet, visitei o site da Trenitalia. No início achei muito confuso, mas depois descobri no Viaje na Viagem o melhor tutorial da net sobre como comprar as passagens. Não tem erro!

Tickets nas mãos e pés na estrada nos trilhos.

euvouparaomundo.com pegando trem na #Itália #viagem #transporte #utilidades 01

O cúmulo da praticidade nos transportes chega a 300km/h, é confortável e seguro. As cadeiras são organizadas 4 a 4 em torno de uma mesa onde geralmente há jornais e revistas. O único ponto negativo é que sempre alguém viaja de costas e algumas pessoas acham isso desagradável.

As malas ficam entre dos vagões, onde também estão os banheiros. Mas atenção! Não existem muitos bagageiros e algumas malas acabam ficando soltas. Outro probleminha é que elas não ficam à vista dos passageiros e sempre rola aquele receio de alguém levar a mala e o cidadão ficar nu com a mão no bolso em terra estrangeira. Para ter uma viagem mais tranquila levei uma tranca de bicicleta e prendi a mala – informação que peguei em um blog, antes de viajar. Inclusive, a tranca ajudou a ela ficar de pé, já que o bagageiro estava lotado! 😛

Essa é a Freccia rossa (flecha vermelha). Tem também a prata e a branca!

A viagem não poderia ser melhor. No trecho Roma – Florença, quando chegamos a nossas poltronas, um casal de mais idade já ocupava os outros dois lugares. Depois de um tempo, começamos um diálogo em vários idiomas na tentativa da compreensão e ali conhecemos os italianos mais simpáticos da viagem! Saímos do trem com um cartão com endereço, telefone e um convite de hospedagem para nossa próxima viagem à Roma. Achei o máximo! O transporte ferroviário ajudou até mesmo a conhecer novas pessoas! 🙂

Experiência em um trem de alta velocidade na Itália. Como é a viagem? |Eu vou| Petter Dantas | 2014

Anúncios

11 comentários em “Pegando trem na Itália

  1. Gostei muito do seu relato 🙂 Qdo fui à Itália tbm viajei de Trenitalia de Milão à Gênova, comprei as passagens com antecedência na internet por 9 euros na 1ª classe, se bem que, depois, achei que a 2ª seria mais confortável e até divertida… a única vantagem é que na 1ª, a bagagem fica junto com a gente em cima dos assentos, mas não é nada fácil levantar mais de 20kg acima da cabeça, ainda mais duas mulheres viajando sozinhas.. além disso ficam 6 pessoas dentro da “cabine” e não havia lugar para a bagagem de todos, o ultimo casal que chegou teve de deixar as malas no corredor mesmo. E não tivemos a sua sorte de sentar próximo a pessoas agradáveis.. havia um casal americano e um outro que devia ser alemão, mas nenhum era lá muito simpático.. rs.

    1. Mariana, também tive uma experiência na primeira classe dos trens! Na verdade, entrei por engano 😮 e só percebi quando o funcionário chegou para conferir a passagem! No final deu tudo certo. Essa foi para a série constrangimentos sem efeitos negativos. Depois conto aqui no blog!
      Abraço

  2. Boa noite, estou indo para o meu primeiro mochilão, irei passar por Milão – Roma – Veneza – Paris . Não falo nada de inglês apenas português, estou indo com a cara e coragem ! rsrs. Gostaria se possível alguma dica para não errar na hora de me locomover dentro das estação de trem, para não perder o trem, coisas simples que podem estragar a viagem. Como não falo inglês nem outra linguá, fora o português, pedir informações na hora vai ser meio difícil , qualquer ajuda antes já é bem vinda. Obrigado

    1. Como vc está meio inseguro com os trens, acho que deveria levar as passagens já compradas aqui do Brasil, ao que parece vc não vai usar trens regionais, então pode comprar pelo site com 3 meses de antecedência

    2. Jorge, esse é um dos melhores desafios que você pode propor a você mesmo! Com certeza essa viagem vai lhe deixar lembranças incríveis! Com relação à língua, percebi que muita gente na Itália fala espanhol, o que também pode ajudar pela semelhança com o português. Para também dar mais garantia de tudo dar certo, o legal é programar direitinho como você vai de uma cidade para outra. Vou separar aqui umas dicas para publicar aqui no blog! 🙂

  3. Boa noite, agradeço pela ajuda, vou efetuar a compra das passagens de trem junto a CI, tendo comprado as passagens e o meu trem não sendo regional, você saberia me informar se é necessário reservar assento no trem, ou assim que receber as passagens da CI, já vai estar com o assento reservado ?

    1. Eu reservei tudo por conta própria pelo site da alitalia, foram cerca de 8 trechos, e durante a reserva eu já pude escolher o assento ou vc pode deixar o sistema escolher por vc. Eu prefiro escolher pq posso pegar assentos próximos aos bagageiros e ficar de olho na minha mala.

      1. heheh.. isso mesmo Trenitalia.. desculpe.. acho meu celular corrigiu.. rs

    2. Jorge, primeiramente deixa eu entender seu roteiro. A ordem é essa mesmo? Milão – Roma – Veneza – Paris? E no caso você pretende fazer todos os trechos de trem? Perceba que nessa ordem, você não está agrupando as cidades mais próximas. Para ir de trem, eu deixaria Milão e Veneza em sequência e tenho dúvida se os outros trechos seriam grandes demais para ir de trem… A dica é a seguinte: viagens de trem são mais vantajosas se duram até 4 horas. Mais do que isso, normalmente é melhor pegar um avião.

      Sobre a compra das passagens: você está comprando pela CI (Central do Intercâmbio)? Nesse caso, eles devem te entregar tudo certinho, mas se você quiser gastar menos, pode comprar diretamente no site das empresas.

      Geralmente esses trechos longos só valem a pena em trens de alta velocidade. Os regionais só servem para viagens curtas, pois são muito lentos. Para os trens de alta velocidade, provavelmente você já terá seu assento reservado no ato da compra.

      De uma forma geral, as melhores tarifas nos trens de alta velocidade aparecem 90 dias antes do dia da sua viagem. No caso da Itália, o site da Trenialia é esse: http://www.trenitalia.com/ Para a França, a companhia é essa: http://www.voyages-sncf.com/ Se quiser comprar em um site em Português pode procurar na Rail Europe http://www.raileurope.com.br/ mas aqui é aplicada uma taxa e a passagem sai ligeiramente mais cara.

      É isso, mas se quiser conversar mais, é só escrever por aqui! 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s